Follow by Email

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

RECIFES DE CORAL: uma das maravilhas da Terra!


Os recifes de coral são dos ecossistemas mais ricos do mundo. Só se podem comparar, em termos de biodiversidade, com as florestas tropicais. 

Apesar de não parecerem, os corais, são animais! Pertencem à mesma família das anémonas-do-mar e das medusas. Cada uma das cavidades do coral é ocupada por um pólipo (minúsculo animal invertebrado), que ajuda a construir a parte dura do coral, retirando minerais da água do mar.  E qual será o alimento dos corais? Como vivem em colaboração muito próxima com algas microscópicas, as algas usam o dióxido de carbono produzido pelos pólipos de coral e estes recebem os nutrientes produzidos pelas algas. 


Tubarão-de-pontas-negras-de-recife


Sabias que apesar de os recifes serem menos de 1 % da área total dos oceanos, mais de metade das espécies de peixes que existem vivem neste ecossistema? Podes encontrar espécies como o tubarão-de-pontas-negras-do-recife, o peixe-papagaio ou o peixe-palhaço, para além de uma enorme diversidade de outros animais como esponjas, crustáceos, moluscos e equinodermes (estrelas-do-mar, ouriços-do-mar, etc.),.Por vezes podem ser visitadas por grupos de golfinhos.   
Um recife de coral precisa de condições específicas de temperatura da água, de luz e de níveis de salinidade e de oxigénio dissolvido na água. Existem vários tipos de recifes, mas os mais conhecidos são os recifes que formam barreiras. Já alguma vez ouviste falar na Grande Barreira de Coral da Austrália? É o maior recife de coral do mundo, com cerca de 2000 km de comprimento, e foi considerada pela UNESCO como Património Mundial da Humanidade.
 Diz-se que até se consegue ver do espaço! Mas estes ecossistemas são muito sensíveis e a acção do Homem provoca a sua destruição, através da poluição, da pesca excessiva e da recolha ilegal para venda aos turistas. Se quiseres ajudar a preservar estes fantásticos ecossistemas, basta teres boas práticas no teu dia-a-dia . E não te esqueças de nunca comprares nada feito de coral.

Sem comentários: