Follow by Email

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Classificação Biológica: do Reino à Espécie


A classificação biológica é um método científico usado para categorizar os seres vivos, organizando-os em grupos denominados taxa (singular = táxon). O filósofo grego Aristóteles foi o primeiro a usar um sistema de classificação de organismos, separando-os em plantas e animais e ainda subdividiu estes últimos consoante o meio ambiente em que se deslocavam (água, ar e terra). Lembras-te quando escrevemos sobre “O ‘pai’ da nomenclatura binomial”, Carl von Linné? Pois é, Lineu foi o pioneiro da classificação científica moderna, agrupando espécies de acordo com características morfológicas em comum. Atualmente, com o avanço da ciência, é utilizada cada vez mais a classificação com base nas semelhaas moleculares e genéticas, o que tem levado inclusive à revisão da classificação de várias espécies.
Mas quais são afinal os principais taxa? Em ordem hierárquica, do maior para o menor, temos: Reino, Filo ou Divisão, Classe, Ordem, Família, Género e Espécie. A construção dos sufixos dos diferentes taxa depende do Reino, segundo determinadas regras. Por exemplo o nome da Família no caso dos animais por padrão termina em –idae, enquanto nas plantas este taxa acaba em –aceae. Vamos exemplificar, utilizamos primeiro o animal que é o símbolo do Jardim Zoológico, sabes qual é? O elefante-africano-de-savana.
Loxodonta africana
 Ele pertence ao Reino Animalia, Filo Chordata, Classe Mammalia, Ordem Proboscidea, Família Elephantidae, Género Loxodonta e Espécie Loxodonta africana. Agora uma planta, da qual já falámos anteriormente como sendo “A ‘nossa’ árvore”, o sobreiro. Este pertence ao Reino Plantae, Filo Magnoliophyta, Classe Magnoliopsida, Ordem Fagales, Família Fagaceae, Género Quercus e Espécie Quercus suber.
Na tua visita ao Jardim Zoológico escolhe outras espécies e tenta depois descobrir qual a sua classificação biológica. Mas não te esqueças que a classificação biológica está em contante atualização… e o que hoje é aceite, amanhã com novos estudos pode sofrer alterações.

Sem comentários: