Follow by Email

sexta-feira, 28 de março de 2014

Chegou a Primavera!

gibão-de-mãos-brancas
Já cheira a primavera! No ar sentem-se aromas de flores e de terra molhada, mas o sol está à espreita e encerra uma manhã chuvosa com um lindo arco-íris. Por entre as sombras das várias árvores conseguimos ouvir uma vocalização diferente, aguda, parece um uivo ou um grito, não sendo nenhum dos dois. Avistamos um primata com uma cria agarrada à perna, é a fêmea do gibão-de-mãos brancas que saúda a primavera com a chegada de uma cria.
Esta espécie de primata habita as florestas tropicais húmidas e florestas montanhosas do sudeste asiático. O seu nome deve-se à cor do pelo muito claro que cobre as mãos, os pés e que contrasta com a sua face negra.
É mais comum vê-los nas copas das árvores pois deslocam-se por braquiação, daí terem os braços mais longos e as pernas mais curtas que conferem a este tipo de locomoção maior estabilidade. No entanto podemos observá-los em marcha bípede quando caminham no solo ou quando parecem verdadeiros trapezistas equilibrando-se em troncos horizontais.
Parecem mesmo uma família feliz, com o macho a vocalizar como que anunciando a chegada da nova cria que agilmente se agarra à perna da mãe. O Tuppence e a Tanja são, como todos os gibões desta espécie, um casal monogâmico.
família gibão-de-mãos-brancas
Todo este cenário invoca uma verdadeira floresta tropical húmida, os raios de sol que trespassam as folhas ainda molhadas das árvores, o gibão que vocaliza à medida que passa com agilidade de ramo em ramo, a fêmea que amamenta a cria enquanto come um fruto. Mas não, não estamos no sudeste asiático e nem precisamos de uma viagem tão longa para podermos contemplar todo este cenário idílico e selvagem, estamos no Jardim Zoológico que convida os seus leitores a aproveitarem os dias amenos da primavera para fazerem uma visita ao nosso parque e conhecerem esta e outras espécies de animais que aqui habitam.

Sem comentários: