Follow by Email

segunda-feira, 26 de maio de 2014

O Amor está no ar!

Com a Primavera chega o calor o que na maioria dos habitats significa mais alimento para os animais, portanto não é de estranhar que a maior parte das espécies comece a namorar nesta época do ano.

flamingo-rubro
Os animais do Jardim Zoológico nesta altura presenteiam os visitantes com comportamentos curiosos de acasalamento a que podemos chamar paradas nupciais. Estes comportamentos que acompanham a época de reprodução podem manifestar-se das mais diversas maneiras com vocalizações, rituais aparatosos que parecem danças, odores das fêmeas que atraem os machos e até lutas.

Nas aves, os machos ainda são cavalheiros à moda antiga, os pavões elegantes ostentam as suas penas coloridas e brilhantes às fêmeas para as conquistar; os grous-do-japão parecem perguntar - a menina dança?- fazendo vénias de asas abertas ou movimentando o corpo com saltos engraçados; os tecelões transformam-se nos mais brilhantes arquitetos, construindo ninhos majestosos para que as fêmeas os escolham como seu par.
Gibão-de-mãos-brancas


Os mamíferos não são tão cavalheiros, habitualmente envolvem-se em disputas e marcações territoriais como o lémure-de-cauda-anelada que vocaliza, envolvendo-se em lutas odoríferas, usando a cauda e as glândulas dos pulsos ou o leão-marinho-da-califórnia que defende o seu território e o seu harém, movimentando-se muito e emitindo vocalizações ruidosas. Cada um à sua maneira trata de arranjar par para perpetuar a sua espécie e o resultado está à vista, basta visitar o Jardim Zoológico para conhecer as muitas crias que aqui habitam.

Sem comentários: