Follow by Email

segunda-feira, 1 de junho de 2015

Dia mundial da criança

No dia em que celebramos o dia da criança dificilmente haverá melhor presente do que trazer as crianças ao Jardim Zoológico. O mundo animal tem um encanto especial para as crianças que o vêem como quase mágico. Rodeados de uma imensidão de fauna e flora as crianças sentem-se mais livres quando estão em contato com a natureza e a cada esquina espreita um animal diferente ou uma cria nova, lembrando-nos que hoje é dia de festejar a infância.

Hipopótamo-comum
Não há palavras que descrevam a sensação mágica de conseguir ver o pequeno canguru a espreitar da bolsa da sua mãe, a cria pendurada nas costas da mãe Gorila ou o pequeno hipopótamo a vir à superfície tomar fôlego porque decidiu mamar debaixo de água, tal como a sua criança, as nossas crias também são aventureiras.

Sabia que as crias do canguru-de-bennet nascem com menos de 1 cm e arrastam-se para dentro da bolsa marsupial da mãe para terminar o seu desenvolvimento? É lá que passam 9 meses a mamar e que crescem muito, alimentando-se de leite materno, a partir de 1 ano já se aventuram a sair da bolsa, mas regressam sempre que precisam de mamar ou quando procuram refúgio.

Canguru-de-bennet
Visitar o Zoo não é só um passeio agradável, é também uma oportunidade de aprender mais sobre os animais através dos conteúdos disponibilizados nas placas e painéis informativos e claro, sensibilizando-se para a conservação das espécies.

Há sempre crias novas e juvenis nos grupos dos Chimpanzés ou das Girafas; nos primeiros é sempre curioso ficar um tempo a observar os seus comportamentos, com brincadeiras tão semelhantes com as das nossas crianças, que parecem brincar à apanhada umas com as outras ou experimentando brincadeiras novas com paus e com frutas que se encontram ao seu redor.  

Já nas Girafas temos que estar mais atentos para perceber os comportamentos das crias, como nós que nos colocamos debaixo das saias da mãe quando temos medo, também é habitual vermos as crias colocarem-se debaixo da barriga da mãe Girafa se se sentem assustadas. 
Sabia que as girafas quando nascem caiem de uma altura de quase 2 metros? Pois é, mas não se preocupe que não se magoam, a Girafa durante o parto este em pé e a cria cerca de 1 hora depois já se equilibra e já consegue andar.
Girafa-de-angola

E lembre-se, com a sua visita está a contribuir para um projeto de conservação!


Sem comentários: